quarta-feira, 14 de abril de 2010

Breve reflexão!!!!

Analisando bem as últimas ocorrências nos bastidores do futebol brasileiro, venho questionando toda e qualquer manobra política do meio.

Nos últimos meses, podemos ver um cabo-de-guerra ocasionado pela eleição para presidente do Clube dos 13, onde de uma lado se encontrava o veterano Fábio Koff e do outro Kléber Leite (apoiado por Ricardo Teixeira, presidente da CBF). Fábio Koff saiu vitorioso da batalha, porém, ferido, após testemunhar um princípio de racha no Clube dos 13, já que o resultado da eleição foi 12x8!!!

Que o sr. Ricardo Teixeira não gostou nada dessa derrota, isso é público e notório, mas eu não imaginava que ele ficaria tão enfurecido.

Basta lembrarmos que ele foi um dos primeiros a apoiar o projeto do Morumbi para a Copa de 2014, e agora, após Juvenal Juvêncio, presidente do SPFC, não só apoiar, mas também sair como vice na chapa de Fábio Koff e sair angariando votos para o mesmo, forças ocultas presentes dentro da CBF passaram a expor suas garras e expelir seu poderoso veneno, colocando de imediato o Morumbi totalmente fora da Copa, isso um mês após o secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, anunciar que finalmente o Morumbi adequou o seu projeto ao padrão da entidade.

Juvenal avisou para termos cuidado com outras possíveis "madonnas", em represália à sua opção de candidato!

Agora essa história da Taça das Bolinhas veio me deixar mais encucado. Sempre acreditei que ela era do São Paulo por todos os méritos obtidos, mas no decorrer do dia, fiquei analisando os fatos, que partilho com vocês aqui.

Ricardo Teixeira é flamenguista e está enfurecido com o São Paulo, e de repente ele fica "bonzinho" (ou para mim e a maioria, justo)?!?! No mínimo, uma atitude estranha!!

Só que analisando friamente (deixando de lado o prazer de tirar sarro de todo flamenguista que conheço passando na cara que eles têm que se contentar em ser somente penta), Ricardo Teixeira e seu candidato, Kléber Leite, devem ter ficado um tanto chateados com a atitude de Patrícia, presidente do Flamengo, ao também apoiar Fábio Koff no C13 e parcialmente criando uma aliança com o próprio São Paulo, ao invés de apoiar o antigo vice-presidente do seu clube, o próprio Kléber. Sendo assim, qual seria a maneira mais rápida de retaliar tal atitude, e punir o clube pela escolha de sua presidente: no meu ponto de vista, afirmar com todas as palavras e números que o Flamengo só conseguiu ser penta-campeão Brasileiro no ano passado, e que portanto, o Hexa deles não existe, e para isso ele fez uso da discussão sobre a quem pertence a famosa e disputada Taça das Bolinhas, anunciando que a mesma será, definitivamente do São Paulo.

Para mim, com isso ele conseguirá atingir "três coelhos com uma só cajadada": pune o Flamengo desmoralizando-o, provoca uma intriga entre o Flamengo e o São Paulo causando um possível desligamento ocasionado pelo pleito eleitoral do C13, e acende o pavio para uma futura "explosão" dentro do C13, rachando de vez o grupo, o que pode levar à sua extinção, coisa que sempre foi o desejo do Sr. Ricardo.

E esta semana ainda vêm mais coisas... resta-nos aguardar o desfecho do episódio do Morumbi.


Pode até ser só uma paranóia minha, mas alguém vai dizer que não há sentido algum em que eu disse?!?!?

4 comentários:

Rodrigo Ansa disse...

faz sentido, ainda mais com uma politica esportiva suja que existe aqui no Brasil...
Mas será que não existia uma maneira menos humilhante para dar um castigo, ao invés de realmente dar o braço a torcer e reconhecer que o fla não é HEXA?
como diz meu amigo, muita coisa vai rolar.....

ROB disse...

"A César o que é de César."

blogger disse...

_e verdade amigo td tém manobra politica espero q são paulo n sai muito prejudicado dms nisso porem eu vejo! uma briga grande p/q murubi nao seja á sede d abetura da copa!! isto vem sendo maú suja deles ms espero muito q nusso murubi seja abetura da copa uma abraço Silas.

Silas Nunes disse...

vlw...
bora ver no que é que dá!!!